I Concurso de Trovas 3 Fronteiras - Foz do Iguaçu (com as trovas)

I CONCURSO DE TROVAS 3 FRONTEIRAS

UBT-Foz do Iguaçu (delegacia)

Resultado

Âmbito Nacional

Tema: Fronteira

Comissão Julgadora:

Antonio Augusto de Assis

Maria Eliana Palma

Vanda Fagundes Queiroz


Categoria: Veterano

1º Lugar: Arlindo Tadeu Hagen – Juiz de Fora-MG

Não haverá mais fronteira,

nem ódios tolos e vãos,

quando o amor for a bandeira

e o mundo - um mundo de irmãos.
.

2º Lugar: Nélio Bessant– Pindamonhangaba - SP

Não há limite, eu suponho

nem há fronteira que impeça;

quem vive por ter um sonho,

tenta, luta, recomeça.
.

3º Lugar: Sérgio Bernardo – Nova Friburgo-RJ

Se encontro cercas erguidas,

com ousadia as transponho...

E das fronteiras rompidas

faço entradas para o sonho.

.

4º Lugar: Alba Helena Corrêa – Niterói-RJ

Imagino um mundo novo,

feito à base da união,

sem fronteiras... um só povo :

irmão ao lado de irmão!

.
5º Lugar: Sérgio Fonseca - Rio de Janeiro - RJ

O contrabando que eu passo

não tem fronteira ou cancela:

viola vem pelo braço;

saudade vai dentro dela.
.

6º Lugar: Antonio de Oliveira– Rio Claro -SP

Velhos sonhos... sonhos novos...

sonha o mundo mil maneiras

com que a amizade entre os povos

venha a banir-lhe as fronteiras!
.

7º Lugar: Alba Helena Corrêa – Niterói-RJ

Creio que a pior fronteira

não está cavada à frente,

em silêncio, por inteira,

cavamos dentro da gente !!!
.

8º Lugar: Romilton Faria– Juiz de Fora-MG

Cancelas cercam fronteiras,

impõem distanciamentos...

Mas, jamais estas barreiras,

distanciam sentimentos.
.

9º Lugar: Cezar Defilippo– Astolfo Dutra-MG

Nos tropeços, me reponho,

não desisto, sigo além.

Quem põe fronteiras num sonho

limita a vida também.
.

10º Lugar: Maria Madalena Ferreira – Magé -RJ

Se há fronteiras vigiadas

contra alguém que seja hostil,

há mil portas franqueadas

aos amigos do Brasil!
.

11º Lugar: Antonio de Oliveira– Rio Claro -SP

Entre o Sonho e a Realidade

há uma fronteira comum:

é o nosso amor, que, em verdade,

faz desses mundos só um!

.
12º Lugar: Sandro Pereira Rebel– Niterói -RJ

Fronteiras tentei transpor

mas foi tudo em vão porque,

cativo do nosso amor,

só tenho um país: você.
.

12º Lugar: Maria Marlene Nascimento Teixeira Pinto– Taubaté-SP

Entre nós, uma fronteira

insiste em nos separar,

mas temos a vida inteira,

para um atalho encontrar!
.

12º Lugar: Luiz Moraes – São José dos Campos -SP

Felizes os passarinhos,

que desconhecem fronteiras,

e fazem dos seus caminhos

liberdades verdadeiras.
.

12º Lugar: Olympio Da Cruz Simões Coutinho – Belo Horizonte MG

Em paz o mundo estaria

se as fronteiras onde há guerra

fossem riscadas, um dia,

do mapa de nossa Terra.
.

13º Lugar: Alice Gervason Marco Fernandes- Juiz de Fora-MG

Pôr do sol, um entre hermanos,

com fronteira multicor:

três países soberanos

com águas fazendo amor.
.

13º Lugar: Renata Paccola- São Paulo-SP

As águas da cachoeira

e as notas de um violino

mostram que tênue fronteira

separa humano e divino!
.

14º Lugar: José Ouverney - Pindamonhangaba – SP

Caso, na sua cegueira,

você venha a se lembrar,

eu sou aquela fronteira

que você não quis cruzar...

.
15º Lugar: José Manuel Veloso Galvão - São Paulo - SP

Sem o alento de um abraço,

e por tanto tempo a esmo...

-Ai de mim, que já não passo

das fronteiras de mim mesmo!
--------------------------------------

Âmbito Nacional

Tema: Fronteira

Comissão Julgadora:

Antonio Augusto de Assis

Maria Eliana Palma

Vanda Fagundes Queiroz

Categoria: Novo Trovador

1º Lugar: Guilherme Brasil – São Paulo – SP

A humanidade progride

Quando repensa a fronteira

No muro ela se divide

Na ponte se faz inteira.
.

2º Lugar: Guilherme Brasil – São Paulo – SP

Toda fronteira é ilusão

Pois o Tempo não tem dó

O que era muro hoje é chão

O que era gente hoje é pó.
.

3º Lugar: Rafael Boechat Nascimento – São Gonçalo – RJ

Oxalá que uma fronteira

não criasse mais hiatos

e não fosse uma barreira

aos amistosos contatos!
.

4º Lugar: Célia M. G. Mendonça de Melo – Juiz de Fora – MG

Com dois países vizinhos

destas terras brasileiras

cruzamos nossos caminhos,

no Marco das Três Fronteiras.

.
º Lugar: Ana Maria Nascimento – Aracoiaba – CE

Ultrapassar a fronteira

do imensurável racismo

é sempre a melhor maneira

de conhecer o civismo.
.

6º Lugar: Marina Caraline de Almeida Carvalhal – Itaperuna – RJ

Não há fronteiras no amor,

quando se quer perdoar,

basta saber dar valor

a quem sempre foi seu par.
.

7º Lugar: Fernando Antônio Belino - Sete Lagoas – MG

De uma ingênua brincadeira,

nosso amor não tem mais cura,

já chegamos à fronteira

da paixão com a loucura.
.

8º Lugar: Alex Xela Lima – Paulo Afonso – BA

Sempre juntos, lado a lado,

Abraçados e felizes

Feito par apaixonado,

Vivem fraternos países.
.

9º Lugar: Prof. Maia – Caicó – RN

Pelas fronteiras da idade,

muitas sementes plantei;

nasceu um pé de saudade,

grão que nunca cultivei.
.

10º Lugar: Fernando Antônio Belino - Sete Lagoas – MG

Se, em vez de tantos países,

fosse um só, a Terra inteira,

talvez fossemos felizes

num mundo assim, sem fronteira.

.
0º Lugar: Lothar Antenor Bazanella – São Paulo

Busquei, de toda maneira,

conquistar seu coração,

mas esbarrei na fronteira,

da amizade com a paixão.
.

11º Lugar: Zenair Borin da Luz – Lagoa Vermelha – RS

É sempre aberta a fronteira

entre um amor e a harmonia;

de um lado ao outro, faceira,

passeia a vida em poesia.
.

11º Lugar: Marco Aurelio Vieira – Belo Horizonte – MG

Ninguém sabe da divisa

Da razão com a emoção

Do nada a gente desliza

Pra dentro duma paixão.
.

12º Lugar: Maria Aparecida Ferreira Lima – Campinas – SP

Três vizinhos lado a lado

com diferentes riquezas

nos acolhem com bom grado

na fronteira das belezas.
.

13º Lugar: Edson de Paiva Silva – Natal – RN

Ultrapasso até fronteira

em busca de um grande amor

conduzindo uma roseira

e trovas de um sonhador.
.

13º Lugar: Francisco José Moreira Lopes – Maranguape – CE

Caso toda a humanidade

foco tivesse em amar

não tinha necessidade

de fronteiras demarcar.

.
4º Lugar: Paulo Roberto da Silva – Caicó – RN

Quando o amor é sem limite,

e sai quebrando barreira...

tanto a plebe como a elite

cruzam a mesma fronteira!
.

15º Lugar: Alex Xela Lima – Paulo Afonso – BA

Em uma calma fronteira,

Vizinhos cultivam laços

De amizade verdadeira

Demonstrada com abraços

-------------------------------------------------------

Concurso de Trovas 3 Fronteiras

UBT-Foz do Iguaçu (delegacia)

Âmbito Estadual

Tema: Esperança

Comissão Julgadora:

Edy Soares

Flávio Stefani

José Ouverney

Categoria: Veterano

1º Lugar: Lucília Alzira Trindade Decarli - Bandeirantes-PR

A solução se anuncia

num tempo de insegurança...

Que os quadros da pandemia

se emoldurem de esperança!
.

2º Lugar: Antonio Augusto De Assis – Maringá-PR

O sonho, frequentemente,

vem de alfinete na mão:

infla a esperança da gente,

mas depois fura o balão.
.

2º Lugar: Dionezine De Fátima Navarro - Ponta Grossa-PR

Livro na mão de criança

para a vida é passaporte...

Feito barco da esperança,

cuja vela indica o norte!
.

3º Lugar: Lucília Alzira Trindade Decarli - Bandeirantes-PR

Coração em descompasso,

na esperança não mais crê...

Saudade ocupando o espaço

nesta ausência... de você.

.
4º Lugar: Caterina Balsano Gaioski – Irati-PR

Guardo ainda na lembrança

os teares da vovó,

que teciam a esperança,

sem que nela houvesse um nó.
.

5º Lugar: José Feldman – Campo Mourão-PR

Eu vejo sempre a esperança

e a beleza singular,

no riso de uma criança...

no brilho do seu olhar.
.

5º Lugar: Leonilda Yvonneti Spina – Londrina-PR

Vivamos com esperança,

pois, quem tem fé, nada teme.

Tenhamos plena confiança:

- Deus comanda nosso leme!
.

6º Lugar: Leonilda Yvonneti Spina – Londrina-PR

Cultivemos a esperança

ante os reveses da vida,

pois Deus nos trará bonança

e entusiasmo para a lida!
.

7º Lugar: Dionezine De Fátima Navarro - Ponta Grossa-PR

Sapatinho na janela.

Menino tem esperança...

Não há Natal na favela:

são só sonhos de criança.
.

8º Lugar: César Augusto Ribas Sovinski – Curitiba-PR

Dorme a bebê tão risonha

no doce berço do amor.

É a esperança que sonha

com um mundo acolhedor.
.

9º Lugar: José Feldman – Campo Mourão-PR

A esperança nunca morre...

Suplico a Deus com fervor:

- Uma nova chuva jorre,

e as gotas sejam de amor.

º Lugar: Silvia Maria Svereda – Irati-PR

Mas enquanto o amor pesar,

mais que o mal, numa balança,

devemos acreditar

na força de uma esperança.
.

10º Lugar: Alfredina Conceição Pascholatti – Londrina-PR

Em menino eu caminhava,

nos bons tempos de criança.

Lá a ilusão dominava,

onde vivia a esperança!
.

11º Lugar: Lilia Souza – Curitiba-PR

Teu retrato na parede

ri do amor que se perdeu.

Foi a esperança uma rede

que em vão meu peito teceu.
.

11º Lugar: Vanda Fagundes Queiroz – Curitiba-PR

A saudade já não cansa:

Pressinto a tua chegada...

e a espera diz que esperança

é certeza antecipada.
.

12º Lugar: Alfredina Conceição Pascholatti – Londrina-PR

Minha mãe sempre dizia,

e carrego na lembrança:

- O que move a poesia

desta vida é a esperança!

------------------------

Âmbito Estadual

Tema: Esperança

Comissão Julgadora:

Edy Soares

Flávio Stefani

José Ouverney

Categoria: Novo Trovador

1º Lugar: Agnes Izumi Nagashima – Londrina – PR

A esperança nesta vida

renovo em cada oração.

A vitória merecida

é paz em meu coração.
.

2º Lugar: Sérgio Rodrigues Ferraz – Toledo – PR

Esperança é boa prova...,

Para expulsar a amargura.

Quem espera se renova:

De amor, bondade e ternura!
.

3º Lugar: Vera Tereza Rolim Chyczy – Curitiba – PR

Sem esperança, este amor

eu guardo triste, contrito,

disfarçando em riso a dor

deste querer infinito!
.

4º Lugar: Sérgio Rodrigues Ferraz – Toledo – PR

Que nunca morra a esperança;

Para o carente esquecido!...

Quem espera sempre alcança...,

Algo grande merecido!
.

5º Lugar: Agnes Izumi Nagashima – Londrina – PR

Em tempos de escuridão,

faço versos e a esperança

renasce no coração.

- Sou trovador em bonança!

.
º Lugar: Vinícius Fonseca – Londrina – PR

Um mundo cheio de paz

homens confraternizando

é meu sonho mais audaz,

nele sigo acreditando.
.

7º Lugar: Marli Voigt – Curitiba – PR

É tão bom ter esperança,

em qualquer tribulação,

na coragem sempre alcança,

e agradece na oração.
.

8º Lugar: Luiz Henrique Sormani Barbugiani – Curitiba – PR

Os momentos mais sofridos

permanecem na lembrança.

Sentimentos exauridos,

em breve, alguma esperança...